Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

Coisa de Mulher
No comando: Coisa de Mulher

Das as

Musical Evangéico
No comando: Musical Evangélico

Das as

300bannerlateral01
No comando: Os 300 Gideões – Pr. Waldemar Doberstein

Das 20:00 as 22:00

300bannerlateral01
No comando: Os 300 Gideões

Das 20:00 as 22:00

Coruja de Sexta I
No comando: Sexta de Primeira

Das 22:00 as 00:00

Um amigo na madrugada
No comando: Um amigo na Madrugada

Das 00:00 as 04:00

café da manhã
No comando: Café da Manhã com Jesus

Das 06:00 as 08:00

WhatsApp Image 2019-10-29 at 09.12.20
No comando: Júlio César Show

Das 08:00 as 12:00

WhatsApp Image 2019-10-29 at 09.24.46
No comando: Show da 95

Das 12:00 as 14:00

Voz Missonária II
No comando: Voz Missionária

Das 14:00 as 14:30

Sem título
No comando: Clube do Louvor

Das 14:00 as 15:00

WhatsApp Image 2020-01-23 at 09.23.15
No comando: TARDE MÁXIMA

Das 15:00 as 17:00

WhatsApp Image 2019-12-04 at 18.00.10
No comando: Mundo Gaúcho

Das 17:00 as 19:00

58577572_2213722078719533_2788416450736422912_n
No comando: CONEXÃO VIDA

Das 18:00 as 20:00

CIBI
No comando: CIBI – Igreja Batista Independente

Das 22:00 as 00:00

Polícia prende suspeitos em operação contra pedofilia no RS

Compartilhe:
POLICIAL

 

Polícia prende suspeitos em operação contra pedofilia no RS

A Polícia Civil faz, na manhã desta quinta-feira (30), uma operação de combate à pedofilia no Rio Grande do Sul. Até as 8h, três pessoas já haviam sido presas em flagrante.
Estão sendo cumpridos seis mandados de busca e apreensão nas residências de suspeitos, nas cidades de Canoas, Porto Alegre, Esteio e São Leopoldo.
O delegado regional de Canoas, Mario Souza, explica que a operação ocorre contra o contexto criminoso da pedofilia.
“Vários crimes contra as crianças e adolescentes, pode ser desde o armazenamento, produção de materiais, como estupro. A gente procura agir imediatamente ao menor indício de pedofilia”.
A ação é feita em conjunto com peritos para que busquem materiais que configurem o crime.
“Temos bastante material. A perícia é importante porque os policiais buscam encontrar em celulares, notebooks, tablets, materiais que comprovem o crime, como vídeos, áudios, filmagens. Isso já é crime e aí realizamos a prisão”, destaca o delegado.
De acordo com Mario, a investigação durou seis meses.

Fonte: G1

 

Deixe seu comentário:

Redes Sociais

Blog da 90

  • How come Asian ladies become mail-order brides?

    Stereotypes about Asian brides There’s absolutely no doubting that some males trying to find Asian bride have actually particular doubts about these girls. They’re mostly associated with the stereotypes that... Leia mais

    Em 12/08/2020