Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

Musical Evangéico
No comando: Musical Evangélico

Das as

Coisa de Mulher
No comando: Coisa de Mulher

Das as

300bannerlateral01
No comando: Os 300 Gideões – Pr. Waldemar Doberstein

Das 20:00 as 22:00

300bannerlateral01
No comando: Os 300 Gideões

Das 20:00 as 22:00

Coruja de Sexta I
No comando: Sexta de Primeira

Das 22:00 as 00:00

Um amigo na madrugada
No comando: Um amigo na Madrugada

Das 00:00 as 04:00

café da manhã
No comando: Café da Manhã com Jesus

Das 06:00 as 08:00

WhatsApp Image 2019-10-29 at 09.12.20
No comando: Júlio César Show

Das 08:00 as 12:00

WhatsApp Image 2019-10-29 at 09.24.46
No comando: Show da 95

Das 12:00 as 14:00

Voz Missonária II
No comando: Voz Missionária

Das 14:00 as 14:30

Sem título
No comando: Clube do Louvor

Das 14:00 as 15:00

WhatsApp Image 2020-01-23 at 09.23.15
No comando: TARDE MÁXIMA

Das 15:00 as 17:00

WhatsApp Image 2019-12-04 at 18.00.10
No comando: Mundo Gaúcho

Das 17:00 as 19:00

58577572_2213722078719533_2788416450736422912_n
No comando: CONEXÃO VIDA

Das 18:00 as 20:00

CIBI
No comando: CIBI – Igreja Batista Independente

Das 22:00 as 00:00

Conservadorismo não é modinha de verão

Compartilhe:
33d865b641dd3a3e596ee1ed6b718e30

 

Conservadorismo não é modinha de verão

Vamos deixar uma coisa clara? Ser conservador não é seguir modinhas de temporada! Tem muita gente que caiu de paraquedas na onda conservadora, mas que não entendeu o significado disso.

Esse é o principal motivo de vermos pessoas nos traindo, virando a casaca, uma vez que nunca foram conservadoras de verdade, mas apenas por conveniência, muitas vezes políticas, como vimos em 2018.

O conservadorismo ocidental está enraizado em valores milenares herdados da cultura judaico-cristã. Quem é conservador, de fato, não relativiza princípios e costumes que vão de encontro ao que entendemos por família, fé, liberdade e direito de defesa.

O “conservador” modinha é aquele que é capaz de abrir mão de tudo o que a Bíblia diz sobre família e a vida desde à concepção, por exemplo, em nome do “diálogo” (falso).

O conservador autêntico não confunde diálogo com relativismo ideológico. Ele defende suas posições, mas respeita o diferente. Tolera o outro, mas sem que para isso seja preciso abrir mão do que acredita, muito menos dos seus direitos.

O conservador modinha posa ao lado da família e finge que se importa com a sua defesa, mas recua nas suas posições quando é confrontado diante de grupos, na frente das câmeras, na hora de encarar até um processo judicial.

O conservador autêntico, dá até a cara pra bater se for preciso, quando a liberdade dos seus filhos estão em jogo. Quando o seu direito de dizer o que pensa e cultuar a Deus está sob risco, ou quando a verdade precisa ser dita enquanto outros silenciam por covardia.

O conservadorismo, portanto, não é modinha que vai e vem; não é para os fracos e covardes. É para quem sabe a importância dos princípios que defende e está disposto a lutar até o fim para defendê-los, mesmo que isso lhe custe à vida!

 

Deixe seu comentário:

Redes Sociais

Blog da 90